Resenha Stone Age

Esse excelente jogo acaba de chegar ao Brasil pela devir, então nada melhor do que falar um pouquinho sobre ele para te ajudar na decisão da compra.

timthumb.php

Desenvolvido pelo designer alemão Bernd Brunnhofer, e uma arte excelente do do consagrado Michael Menzel. O tabuleiro é muito bonito mesmo. Lançado em 2008 , é considerado até hoje um dos melhores games para introduzir novos jogadores aos EurosGames.

 

 

Mecânica:

  • Alocação de trabalhadores
  • Rolagem de dados
  • Coleção de conjuntos

Categoria:

  • EuroGame Light

Vamos começar. Stone age é um EuroGame de 2-4 jogadores (sem a expansão)  de duração média 1:30h (diria que 30min para cada jogador adicional). O objetivo é no final ter mais pontos de vitória. Esses pontos podem ser adquiridos comprando barcos e construções. Alguns pontos são imediatos (construções), outros como o de conjuntos só são contabilizados no final do jogo. A rodada tem basicamente três fases: Alocação dos trabalhadores, realizações das ações onde os trabalhadores estão e no final alimentação desses trabalhadores.

Na fase de alocação, você pode alocar seus trabalhadores para pegar comida e matéria prima (madeira, pedra, tijolo e outro), onde você pode alocar vários trabalhadores e cada um corresponde a um dado que jogará. O valor total dos dados é dividido por 2,3,4,5 ou 6 dependendo de qual matéria quer pegar (comida, madeira, pedra, tijolo e ouro respectivamente), sendo assim o ouro o mais caro. Outros lugares que podemos aloca-los são: comprar construções, comprar barcos e nas cabanas (plantação para pegar 1 comida vitalícia, produzir outro trabalhador (cabana do amor ahahah) ou na oficina (pegar ferramenta que ajuda nos dados).
StoneAge002

 

No final da rodada o jogador deve alimentar seus trabalhadores. Caso não tenha comida suficiente pode completar com matéria prima ou decidir não alimentar e perder 10 pontos.

Considerações finais: 

Stone Age é um jogo excelente, fácil de explicar, fácil de entender. Tabuleiro e componentes bonitos e de alta qualidade. RECOMENDADO para gamers e non-gamers.

Pontos positivos:

  • Agrada Gamers e non-gamers
  •  Alta qualidade
  • Tempo médio excelente
  • Funciona bem com dois jogadores
  • Fator sorte de médio para baixo
  • Excelente para introduzir novos jogadores

Pontos negativos:

  • Algumas estratégias conhecidas pelos mais experientes pode deixar o jogo sem graça e sem muito desafio para os gamers.
  • Se você não gosta de dados, tem que rolar dados!
  • O copinho pode ter um cheirinho ruim com o tempo (o meu já tem um ano e tá OK)
dice

Copinho que pode ter cheirinho estranho com o tempo :P

Ficha Técnica:
Jogadores: 2 a 4
Idade: a partir de 10 anos
Duração: 30 minutos por jogador
Fabricante/Desenvolvedora: Rio Grande Games (A devir trouxe pro Brasil)
Idioma: Inglês/Alemão
Preço Médio no Brasil: R$ 259,00

NOTA FINAL: 8.5/10

Dica:
Se você quer testar tem a versão iOS do jogo que eu adorei! Muito bem feita, vale a pena!

stone_age_1

Versão iOS

 

Link BGG

Link Ludopedia

Link Radho Gameplay RunThrough (em inglês)

Att,

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedinmail

2 pensamentos sobre “Resenha Stone Age

  1. Realmente parece um excelente jogo….vou testar a versão para IOS para depois fazer o investimento….gostei por ser um jogo, como você disse, para non-gamers (como é o meu caso e do meu grupo, rs…) e gamers…..obrigada pelo texto…! Muito bom ter alguém que compartilha suas experiências e nos passa conhecimento de algo que gostamos em comum….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *